Frutos Secos | Amêndoa e Figo Regional

Os Frutos Secos são uma cultura com grande tradição no Algarve, Gregório Chorondo cedo iniciou a comercialização e transporte de Amêndoa, Figos e principalmente Alfarroba para Indústrias do ramo na Região, o seu filho Joaquim Chorondo seguiu esta actividade instalando uma pequena transformação de Alfarroba na localidade de Tenoca em Boliqueime, onde hoje em dia se situa a sede da Empresa. As instalações foram crescendo e a actividade da empresa tambem, foi então que em 1988, Joaquim Chorondo juntamente com os seus dois filhos, Isaurindo Chorondo e Angelina Chorondo, decidiram fundar a Empresa Chorondo e Filhos, Lda.

A transformação de Alfarroba em triturados e extração da semente sempre foi o “Core Business” da Empresa, isto acontece por várias razões; o Algarve é a unica região do Pais (salvo pequenas explorações no Baixo Alentejo) produtora de Alfarroba, existiam no Algarve alguns transformadores de Alfarroba e três unidades Fabris que transformavam a Semente de Alfarroba, neste momento apenas se encontra uma em actividade que é detida pela Familia Chorondo, A Industrial Farense, Lda.

A Empresa vai já sua 4ª geração e para fazer face aos compromissos e para acompanhar o seu crescimento foi necessário a aquisição em 1994 da “A Industrial Farense, Lda” e no ano 2000 da segunda unidade fabril de transformação de Alfarroba em São Brás de Alportel.

Possuimos uma capacidade de transformação na ordem das 30 mil toneladas/Ano, que na sua maioria vai para mercados externos.

A Chorondo e Filhos, Lda faz parte de algumas associações empresarias entre as quais o Mondial Carob Group – Associação internacional de transformadores de Alfarroba, NERA – Associação Empresarial da Região do Algarve, AIDA – Associação Interprofissional para o Desenvolvimento da Produção e Valorização da Alfarroba e desenvolve projetos com prestigiadas instituições cientificas como o INETI, IST e UALG.

p0507038[1]